Divagações e devaneios sobre as arianisses da vida!!!

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

E voce, tão linda sem saber...

Até a forma como eu te imagino é diferente...
Eu não acreditava em coracões disparados até me contentar com suas fotos...

Essa mina sou eu...

sábado, 20 de dezembro de 2014

Alegrar...

bora para os Alegrões porque ninguém vive só de depressão!

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Eita gripe com agenda propria...

Dessa vez demorou mais um pouco, mas a gripe chegooooouuuuu! Mas dessa vez ja to preparada, chá de limão com alho pra rebater com forca!!!! hauhau

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Sem facebook!

Faz só um dia que estou sem facebook, mas minha vida está tão melhor! Parei de procrastinar e meu dia rendeu que foi uma beleza!

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

É torturante!

Ontem eu ia postar comemorando, depois de 4 dias uma resposta, vitória! Mas o que f@$e com tudo é que não entendo indireta, subjetividade, não interpreto intenções. E isso é devido a minha falta de capacidade mesmo. Ha alguns dias postei que prefiro ser direta e que minha posição será essa por um bom tempo. O que não expliquei é que a decisão foi tomada justamente pela minha falta de capacidade de interpretar o que não é direto! Eu também postei que precisava de um sinal e o sinal veio. Agora então é chegar, devagar, aos poucos para não assustar, mesmo porque ser curta e concisa não funcionou da primeira vez, é tão difícil...
Cada momento longe é torturante, mas tomar cuidado é fundamental para que não se afaste de mim definitivamente! Me resta trocar figurinhas...

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Constatações!

Menina, é isso o que você é, uma menina, mimada! Isso não me faz te querer menos, pior, só me faz te querer mais e mais e mais...
É uma batalha que estou disposta a enfrentar, mas preciso de um sinal, um sinalzinho.
Um sinal daqueles que só seus sorrisos, seus olhares, suas tiradinhas são capazes de enviar. Só um sinal!!!

domingo, 7 de dezembro de 2014

Pois é...

Quando a gente pisa em ovos só nos resta reagir e esperar o retorno. O retorno não vem e essa indiferença assusta. Ok, o negócio é esperar a próxima oportunidade de demonstrar o que está no coração!

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Só por isso...

Porque você me desarma!