Divagações e devaneios sobre as arianisses da vida!!!

segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

A mulher mais bonita do mundo!

Eu olho pra ela e vejo a mulher mais bonita do mundo.
Sempre foi assim: do primeiro momento que eu a vi até agora!
Mas olhar pra ela também dói,
aquela dor da solidão acompanhada,
de todos os dias e noites sozinha,
de ser a opção de quando sobrava um tempo.

Obviamente estou passando por um momento de destruição,
o momento de destruir tudo que sinto pela mulher mais bonita do mundo.
Está sendo sofrido, doloroso, solitário...
Infelizmente está sendo melhor do que estar com ela.
A gente não mata uma pessoa assim no nosso coração,
do dia para a noite, isso não existe.
Mas estou determinada a sumir com ela daqui, aos poucos, no tempo certo.

Então eu danço!
Danço pra ver se a dor vai embora,
ou pra pelo menos conseguir disfarça-la.
Danço pra ter algo mais a fazer na vida sem ser pensar nela.
Assim, talvez um dia, eu consiga esquecer esse período sombrio e sofrido!